Senador Wilder garante universidades de Catalão e Jataí e articula criação de novas federais

postado em: Notícias | 0

Reportagem veiculada no Jornal Urgente

O senador Wilder Morais (PP-GO) é um dos principais articuladores da bancada goiana para a criação de quatro universidades no interior goiano.  Sub-relator na comissão que iniciou os trabalhos para a conversão das unidades de Catalão e Jataí  em universidades independentes, ele também iniciou as articulações para a criação das universidades federais do Entorno do Distrito Federal e Norte goiano. As duas últimas já foram incluídas no Orçamento do Plano Plurianual, com orçamento estimado de R$ 150 milhões.

Nesta nesta terça-feira, 20, Wilder comemorou a aprovação no Senado,  através da Comissão de Educação, de mais uma etapa para a criação de duas universidades em Goiás.

UFG de Jataí terá autonomia e se transformará em universidade federal independente: senador Wilder Morais articula outras duas universidades para goianos

A proposta de criação das duas novas universidades foi aprovada anteriormente na Câmara dos Deputados, em dezembro.

“No dia 19 de dezembro, a Universidade Federal de Catalão (UFCat) e a Universidade Federal Jataí (UFJ) deram um passo decisivo para serem efetivadas.  Nesta terça-feira, 20, com a aprovação no Senado, através da relatoria e trabalho dos senadores Ronaldo Caiado e Lúcia Vânia, é praticamente certa sua concretização”, lembrou Wilder.

Wilder Morais explica que as duas unidades serão criadas a partir da estrutura já existente na Regional Catalão e Jataí da Universidade Federal de Goiás.

O senador lembra que a proposta que cria as universidades teve início com o Poder Executivo, através do Projeto de Lei (PL) 5275/16, e foi trabalhada pela bancada goiana.

O senador diz que vai articular junto aos demais senadores a aprovação da lei, que assim seguirá para sanção presidencial. Wilder lidera um grupo de 13 senadores na casa, sendo determinante para aprovação da proposta.

“Fui sub-relator em 2013 quando discutimos a criação destas universidades. Tive oportunidade de colocar a primeira rubrica para termos o orçamento destas instituições. Apresentei e aprovei uma semana antes deste carnaval um requerimento de urgência para que possamos votar o mais rápido possível esta criação. Com isso ganha o povo de Goiás. E vamos também aprovar a Universidade Federal do Norte e do Entorno de Brasília. A minha missão é colocar mais estas duas universidades em nosso Estado”, diz o senador goiano.

EDUCAÇÃO

Autor de projeto de lei que modificou a Lei de Diretrizes e Bases (LDB), tendo em vista amplificar o investimento em educação e ciência a partir do incremento de fundos privados, Wilder defende a interiorização das universidades.

Ainda em 2016, o parlamentar conseguiu incluir na Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização sua proposta de emenda no valor referencial de R$ 150 milhões para a construção das unidades públicas e gratuitas.

O senador diz que as propostas e projetos costumam demorar em sua tramitação, principalmente pela burocracia dos procedimentos, mas quando o “sonho torna-se realidade” é muito bom. “Acho que todos os goianos devem comemorar. Novas universidades significam autonomia, mais produção científica, mais conhecimento, trabalho e desenvolvimento. Catalão e Jataí terão um salto. Em breve veremos os resultados”.